segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

ODEBRECHT E EMPRESA DE PRIMO DE MACRI PAGARAM PROPINA NA ARGENTINA


diário do poder

EMPREITEIRA APONTA AINDA PAGAMENTOS NAS GESTÕES DA FAMÍLIA KIRCHNER
Publicado: 27 de fevereiro de 2017 às 10:35
Redação
  •  
  •  
  •  
   

MINISTRO ACHA QUE O FIM DO FORO DEVE SER PARA TODOS, INCLUSIVE JUDICIÁRIO

diário do poder
GILMAR: O FIM DO FORO NÃO SOLUCIONA OS PROBLEMAS NACIONAIS
Publicado: 27 de fevereiro de 2017 às 02:57 - Atualizado às 03:00
Redação
  •  
  •  
  •  
   

BRASIL, COMO EUA, DEVE FIXAR MANDATO PARA O STF





Diário do Poder
NO BRASIL, APÓS O MANDATO, MINISTRO DO STF FICARÁ INELEGÍVEL
Publicado: 27 de fevereiro de 2017 às 00:01 - Atualizado às 01:16
  •  
  •  
  •  
   

EFEITO LAVA JATO AMEAÇA CONTRATOS DE QUASE US$ 16 BI DA ODEBRECHT NO EXTERIOR


"Diário do poder"


COM A OPERAÇÃO, OS CONTRATOS NO MERCADO EXTERNO COMEÇAM A SE PERDER
Publicado: 27 de fevereiro de 2017 às 09:41
Redação
  •  
  •  
  •  
   

Brasil tem média de 20 acidentes aéreos por mês






Levantamento feito pela Aeronáutica para a 'Coluna Esplanada' revela que de 2012 a 2016 foram registrados 966 acidentes aéreos no país


Isso dá em média 241 acidentes por ano, ou 20 por mês, e quase um por dia (Foto: EBC)

Veja os números preocupantes do setor aéreo que deixam o Brasil ‘mal na fita’ em todo o mundo quando o assunto é segurança de voo. Levantamento feito pela Aeronáutica para a Coluna revela que de 2012 a 2016 foram registrados 966 acidentes aéreos no País. Isso dá em média 241 acidentes por ano, ou 20 por mês, e quase um por dia. O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, que atualmente investiga 343 acidentes – entre eles o que vitimou o ministro do STF Teori Zavascki.
Cova aérea
Neste período de 4 anos, o Cenipa registrou 609 mortes nos acidentes. Os números são impressionantes. Foram em média 152 por ano, ou 12 por mês.

sábado, 25 de fevereiro de 2017

TENEBROSAS TRANSAÇÕES

Dilma e Lula, o duo criminoso do PT contra o Brasil



"Um povo que não sabe escolher bem seus governantes, merece ser escravizado por eles!"

L. Telles Bezerra

Nós, os brasileiros, somos um povo sui generis em todos os aspectos. Temos características que nenhum outro povo no mundo tem. Desde a "bondade", que eu classificaria como ingenuidade patética, até sua crônica letargia em relação a tudo que o atinge maldosamente. Se eu pudesse comparar o nosso povo com algum outro ser vivo, eu o faria com uma minhoca. Esse verme permanece o tempo todo enfiado na lama e quando põe a cabeça pra fora é capturado para servir de isca para peixes. Assim, somos nós, os brasileiros, que temos até regras especiais de comportamento nos parques da Disney, nos EUA, porque nossa educação não vem do berço, mas da lama. Por essas características nada recomendáveis, temos sofrido os mais impensáveis golpes por parte de vigaristas espertalhões, que pululam na política podre brasileira em todos os tempos. Desde a vinda da família real de Portugal (ou seria mundiça real?), em 1808, até os dias de hoje, temos milhões de exemplos de nossa cretinice como povo sem educação, sem modos comportamentais, desonesto, caviloso e acima de tudo TROUXA!

Sabedores de todas as nossas fraquezas como seres humanos despreparados para sermos donos de uma nação de primeiro mundo, os políticos cafajestes que existem nesse solo pátrio exploram de todas as maneiras imagináveis a nossa fragilidade.

Um exemplo que vai se tornar clássico por ter como protagonista principal o pior de todos os canalhas já produzidos no Brasil, é o do ex-presidente Luiz Inácio da Silva, vulgo Lula! Esse crápula, merecedor de todos os adjetivos pejorativos encontrados em todos os idiomas do mundo somados, praticou todos os tipos de crimes contra o Brasil e seu povo. De crimes comuns previstos no Código de Processo Penal Brasileiro, até os crimes de colarinho branco mais hediondos, foram praticados por essa excrescência humana, vulgarmente chamada de Lula (apelido comum em Pernambuco, para todos os homens de nome Luiz). Lula, participou, direta ou indiretamente, de crimes de homicídios, chantagens (contra as montadoras e comerciantes do ABC), agressões, tentativa de violência sexual contra um preso do DOPS, por ele confessado em púbico como se fora algo enaltecedor, e muitos outros crimes imundos. O pior deles foi praticado contra um companheiro fundador do Partido dos Trabalhadores – PT, chamado Celso Daniel, então prefeito de Santo André, por esse se negar a continuar com a sangria dos cofres públicos praticada pela quadrilha de malfeitores composta dos piores petistas já conhecidos pela Justiça Federal.

Será quase impossível apurar-se todos os crimes de desvio de recursos públicos praticados pela quadrilha desse gangster formado na Baixada Santista e no ABC paulista. Os montantes até agora apurados pela Operação Lava-Jato, são espetaculares, mas ainda não se chegou ao ápice da montanha gigantesca de dinheiro que esse gatuno desavergonhado roubou do erário. Desde as primeiras prefeituras governadas pelo Partido dos Trabalhadores até os dias de hoje, calcula-se em mais de 2 trilhões de reais os desmandos levados a cabo por esse bando nominado PT. Como eu já mencionei em outras crônicas do mesmo tema, os petistas históricos, César Benjamin e o economista Paulo de Tarso Venceslau, denunciaram há muito tempo a prática criminosa de Lula e seu bando, nos assaltos aos cofres públicos das prefeituras por eles administradas. Quando Lula chegou à presidência da República, eu bradei aos quatro cantos que o assalto ao Tesouro Nacional seria em volume exponencial, em minhas crônicas postadas no Diário do Poder (antes Coluna do Cláudio Humberto) desde 2009. Muitos leitores me criticaram por fazer previsões sem provas. Eu respostei a cada um deles, que, somente criancinhas de berço é que poderiam acreditar na lisura de um canalha que mandava seus acólitos fazerem chantagem para tomar dinheiro de comerciantes em São Bernardo do Campo, de armas em punho. A filha de um desses comerciantes depôs numa CPI da Câmara dos deputados e apresentou provas desse procedimento criminoso de Lula e sua quadrilha de assaltantes, Gilberto Carvalho à frente de tudo. 
A mais reveladora de todas as denùncias feitas contra Lula e seu bando de gatunos, foi o livro de Romeu Tuma Júnior, "Assassinato de Reputações, um crime de estado", onde ele revela fatos devidamente comprovados dos crimes de Lula e sua quadrilha.



Hoje, depois de longos quatro anos de investigações, a Operação Lava-Jato está perto de concluir suas tarefas elucidando as entranhas desse conluio miserável para a pilhagem das nossas economias. Somente na Argentina, apurou-se agora, o rombo contra a Petrobras foi de mais de um bilhão de dólares. Vejam essa reportagem do Diário do Poder de hoje, 25 de fevereiro de 2017:



"Acionistas da Petrobras Argentina suspeitam que Marc
"elo Mindlin, dono da empresa que comprou ativos da BR, serviu apenas de “mediador temporário” dos ativos da estatal brasileira na Argentina entre a própria Petrobras e uma enrolada na Lava Jato: a Trafigura. A Pampa Energia, de Mindlin, levou a BR Argentina pela ninharia de R$897 milhões. Ele também é dono da Edenor, maior distribuidora de lá. O prejuízo na venda dos ativos é calculado em mais de US$1 bilhão. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A Pampa ofereceu os ativos da Petrobras Argentina para a Trafigura através do banco Citibank, que também contatou a argentina Edelap.

A Edelap é uma distribuidora de eletricidade de Alejandro Macfarlane, ex-sócio de Marcelo
Mindlin em outra empresa de energia, a Edenor.

O principal executivo da Trafigura no Brasil é Mariano Ferraz, preso pela Polícia Federal, que pagou R$ 3 milhões de fiança para ser solto. Por Cláudio Humberto, jornalista"


Como podemos ver, as coisas são muito piores do que se imaginava. Quando os dados do BNDES forem escancarados, é que se poderá ter a magnitude dos assaltos praticados contra uma Nação, que já deveria ser uma das cinco maiores economias da Terra. Esses esquerdopatas bandidos receberam das mãos limpas dos militares, um País, que, do 47º lugar em 1964, auferiu o 8º lugar entre as maiores economias do mundo. Hoje, estamos em 10º lugar e nos recuperando de uma queda ainda maior, se não fosse o impeachment da vagabunda deixada por Lula em seu lugar.

Quem viver verá a triste realidade deixada por essa súcia de malfeitores que merecia, cada um deles, a forca ou o garrote vil, para economizar munição do possível e mais indicado fuzilamento. Eu estou à disposição para o cargo não remunerado de carrasco! Desempenharei com muito prazer essa função sem encobrimento do meu rosto.


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

A TIRANIA DISFARÇADA DE DEMOCRACIA NO BRASIL DO PMDB



 
Michel Miguel Elias Temer Lulia, presidente do Brasil!






"A democracia surgiu quando, devido ao fato de que todos são iguais em certo sentido, acreditou-se que todos fossem absolutamente iguais entre si."

Aristóteles



L. Telles Bezerra

A pior ditadura é aquela a quem se dá o título de democracia e existe como uma tirania disfarçada.
Esse tipo de regime está sendo exercido hoje no Brasil do PMDB de Michel Temer. Impõe-se aos brasileiros apenas seus deveres, mas tira-se deles o direito de exercer a sua cidadania plena.
No Brasil de hoje, não existe segurança; não existe educação de qualidade; não temos moradia assegurada; não dispomos de um mínimo de atendimento médico digno a um ser humano, mas os impostos não param de ser cobrados e exigidos. Num país onde o cidadão comum é tratado como gente de quinta categoria e os políticos como uma casta superior.

A nossa Constituição de 1988, em seu quinto artigo, reza o seguinte:

"DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:


I - homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição;"

Esse conceito aqui descrito e tido como cláusula pétrea da Constituição brasileira, nunca foi tão desrespeitado quanto nos dias atuais. Como se não bastasse, o Sr. presidente da República Federativa do Brasil, MICHEL MIGUEL ELIAS TEMER LULIA, enviou ao Congresso Nacional uma proposta de mudança na legislação que trata das aposentadorias dos cidadãos brasileiros . Essa proposta de mudança na Lei das aposentadorias está sendo considerada como uma barbárie em termos de direitos do cidadão.

A nova “lei”, o Projeto de Emenda à Constituição (PEC 287), teria como base para a aposentadoria, uma contribuição mínima de 25 anos, em vez dos 15 anos atualmente vigentes. Uma idade mínima para a posentadoria de 65 anos, tanto para homens quanto para mulheres, e não para por aí. Mesmo com esses absurdos exigidos, quem atender essas exigências só terá direito a apenas 76% do valor total do benefício. Para que alguém tenha o direito a aposentaria integral, ou seja, 100% do benefício, o contribuinte deverá contribuir durante 49 anos. Para se aposentar com 65 anos e auferir o benefício integral, o cidadão deverá começar a contribuir a partir dos 16 anos de idade.

Quanto à pensão por morte, bem, essa é um chute na cara dos viúvos e viúvas. O valor desse benefício será de apenas 60% do valor real a que teria direito. Ninguém mais vai ter o direito de receber a sua aposentadoria a que já tem direito, somada à pensão por morte do cônjuge. O cidadão terá que escolher entre a aposentadoria e a pensão por morte. Isso é uma agressão aos direitos adquiridos dos cidadãos brasileiros, é uma tirania, uma perversidade sem igual no mundo inteiro!

Enquanto se exige, nessa nova proposta de emenda à Constituição, tamanhos absurdos, os políticos e seus familiares estão protegidos devidamente por suas opróprias leis urdidas na calada da noite por uma corja de bandidos tidos como parlamentares e legisladores. A classe política no Brasil não passa de uma quadrilha de malfeitores, que habitam os palácios e legislam em benfício próprio a despeito do sofrimento de um povo desprovido de todos os serviços sociais previstos na Constituição. Enquanto nos países desenvolvidos paga-se tributos para se auferir benefícos, no Brasil pagamos impostos absurdos para beneficiar uma classe de nababos encastelados no poder. Os luxos a que os políticos brasileiros tem direito só se vê nas ditaduras mais perversas do planeta.

Ou o povo se mobiliza e acaba com essa ditadura miserável ou estaremos à mercê dessa classe de políticos cretinos para sempre! Nós temos a maior carga tributária do mundo, para sustentar a maior corrupção do planeta! Até quando esse povo imbecil vai se dar conta disso e se indignar? O que mais precisa acontecer para que essa massa ignara e inútil se mobilize? É revoltante que se pratiquem tanta perversidade para com os contribuintes brasileiros sem que haja uma resposta à altura por parte dos prejudicados.

                                         Que povo é esse?

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

BRASIL: UM PAÍS MAL AFAMADO





L. Telles Bezerra


Um país que não dá importância à sua Constituição, não é um país de autoridades sérias e nem merece respeito!

O Brasil tornou-se, desde 2005, o país mais visado do mundo, por causa dos escândalos produzidos pelo Partido dos Trabalhadores (PT), e o seu maior líder, o então presidente, Luiz Inácio da Silva, vulgo Lula. Substituído por Dilma Rousseff, em 2010, nada mudou para melhor, mas tornaram-se ainda mais tenebrosas as ações desses atores políticos e seu partido/quadrilha. Os crimes dessa quadrilha de bandidos se multiplicaram, depois que ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, impediu criminosamente que esse meliante desavergonhado, ungido por ele presidente da república, fosse cassado por improbidade administrativa e formação de quadrilha. Depois dessa proteção indevida, o quadrilheiro Lula da “Çilva”, achou-se no direito de dilapidar o erário, roubando e deixando roubar por toda parte dentro dessa república de ratos. O resultado está posto para quem quiser ver: um país destruído!
LULA DA "ÇILVA", O MAIOR BANDIDO DA HISTÓRIA DA HUMANIDADE

A novela “Rodrigo Maia” se estende por quase seis meses de especulações, sobre se ele pode ou não ser reconduzido à presidência da Câmara dos Deputados. Ora, O Artigo 57 da Constituição Federal diz que é “vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição [da Mesa Diretora] imediatamente subsequente”. Onde está a dúvida? Se a Constituição determina ser ilegal a recondução do atual presidente da Câmara ao cargo que ocupa, por que não obedecer à Carta magna? A explicação é uma só: o costume que existe no Brasil, de se fazer pouco caso às Leis, quando existem interesses “superiores” em jogo. Quais são esses “interesses superiores”? Os “interesses” dos partidos políticos de sempre. Isso sempre se sobrepõe a tudo, mesmo criminosamente. Essa prática condenável precisa ser extinta para o bem do Brasil. Os partidos que se opõem a reeleição de Maia estão em campo tentando barrar essa anomalia, tomara que consigam. Um país que se preze não pode se dar ao desfrute de se desviar assim do cumprimento às leis maiores.
RODRIGO MAIA (DEM-RJ)

Paralela à novela da Câmara dos Deputados, corre no Supremo Tribunal Federal, a substituição do ministro morto, Teori Zavascki. Correndo contra o tempo e para evitar um atraso devastador nas investigações e julgamentos na Operação Lava-Jato, a ministra e presidente do STF, Carmen Lúcia, se desdobra para dar cumprimento ao rito da substituição em tela. Com sua presteza em dar celeridade à relatoria do processo da Lava-Jato, a presidente Carmen Lúcia avocou a si a incumbência de desenrolar esse imbróglio e ordenou que os juízes auxiliares do ministro Teori, dessem andamento ao processo. Mas, para tudo o que está dando certo, sempre surge algo que atrapalhar. O juiz que encabeçava todos os trabalhos no gabinete do ministro morto, Márcio Schiefler Fontes, acaba de pedir desligamento do STF, deixando a ministra presidente numa situação muito difícil. No Brasil é assim, não há nada que esteja ruim, que não possa ficar pior. Mas, esperamos que a Sra. Ministra Carmen Lúcia saiba como sair dessa situação.

EIKE BATISTA (BILIONÁRIO)

E o ex-bilionário, Eike Batista, foi à sede da Polícia Federal, no Rio de Janeiro, prestar depoimento ontem (terça-feira). É uma humilhação tremenda para alguém que, há um ano, estava em seu costumeiro dia a dia de luxo e muita exuberância e agora está restrito a uma cela de 15 m2 em companhia de outros detentos. Esse cidadão esteve no auge de sua vida criminosa, vivendo luxuosamente graças ao dinheiro público a ele destinado por dois outros criminosos, que ocuparam a presidência da República e não honraram o cargo. Bilhões de reais foram desviados do BNDES para subsidiar seus “projetos” fictícios que nada mais eram do que fraudes estupendas mundialmente concorridas. O Ministério Público Federal, no Rio de Janeiro, ofereceu à Justiça, denúncias muito bem fundamentadas contra Eike, por crimes contra o mercado financeiro envolvendo as empresas OSX e OGX. Essas transações só foram possíveis, por causa das ingerências indevidas e criminosas de Lula e Dilma Rousseff, seus protetores e patrocinadores sem seus crimes. Mirabolantes projetos mentirosos captaram bilhões de reais do BNDES, aos cofres de suas empresas. Gastou milhões com carros caríssimos, como um Lamborghini Aventador, um dos mais caros automóveis do mundo. As denúncias contra o empresário já somam 22 processos, sendo que a metade (11), já transitado em julgado. Com R$ 239 milhões bloqueados pela Justiça, Eike Batista ainda está sujeito a pagar uma multa bilionária e cumprir pena nunca inferior a 20 anos de reclusão. 

EIKE BATISTA (PRISIONEIRO DE BANGU 9)

O Brasil, depois do “Mensalão” e as ações da Operação Lava-Jato, mudou muito e parece que nunca mais veremos um criminoso de colarinho branco se livrar incólume da Justiça! Que essa prática elogiável se torne praxe dentro da Justiça brasileira e transforme essa desorganização geral em algo sustentável e digno. Que o Brasil se torne um país sério e deixe sua fama de reino dos criminosos  impunes para trás!

LULA E SEUS AMIGOS CRIMINOSOS

A ENTÃO PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF ENTRE DOIS BANDIDOS